Combatendo a umidade no banheiro e cozinha

Essas são as partes mais afetas das casa, veja como prevenir e tratar.

Paredes mofadas, bolhas na tintura e aquele escurinho no rejunte são sempre surpresas nada agradáveis!

O acúmulo de umidade em casa é um problema que pode ser causado pelo material com o qual ela foi construída, o impacto do clima e a falta de ventilação dos espaços, entre os cômodos mais afetados estão banheiro e cozinha.

No banheiro vale prestar atenção no teto, que fica escuro devido ao mofo e com os rejuntes dos azulejos, que também podem acumular fungos. A principal forma de evitar o aparecimento desses inquilinos é ventilar o ambiente. Depois do banho, abra a janela e porta, certo? Caso o mofo apareça, deve-se imediatamente limpá-lo, ou ele pode se espalhar nos rejuntes e no teto. Utilize uma Esponja Suave com água e sabão neutro. Nos rejuntes dos azulejos, a mesma fórmula funciona.

Já na cozinha o vapor das panelas é o grande vilão. Ele pode tomar conta do ambiente, principalmente aos espaços próximos do fogão. O ideal é deixar as janelas da cozinha sempre abertas durante os processos de cozimento. Aqui o procedimento é o mesmo feito no banheiro.

Quando for o caso de o mofo impregnar, será necessário tomar medidas mais drásticas, como descascar, lixar e passar produtos impermeabilizantes, use também tinta antimofo, mais uma opção de prevenir o problema.

Porém o principal combate da umidade é a combinação ventilação e iluminação. Abra as janelas da casa e deixe o ar e o sol circular pelas peças, assim, há menos chances da umidade se acumular e de aparecerem bolhas, mofos e manchas em sua casa.

Fonte: Melhor com sua Saúde/ Gaucha ZH

Organizando os sapatos

Veja algumas opções para ter em sua casa.

Assim como ocorre com muitos elementos dentro do lar, os sapatos podem ser difíceis de organizar, sobretudo quando não se tem um espaço exclusivo para eles.

Muitas pessoas os deixam jogados pela casa, ou os colocam de qualquer maneira nas gavetas, sem levar em conta que isso acelera sua deterioração.

Antes de guardá-lo não custa limpar, por cima mesmo, já deixe perto do lugar que irá guardar os sapatos uma embalagem do Resist Colors, passe uma paninho seco. Claro, existem os casos que precisam de higienização mais delicada.

Como estamos certos de que você quer saber como deixá-los em perfeita ordem, veja algumas formas de conseguir:

Sapateira de porta: O bom e velho acessório que tem na casa das vovós ainda é uma das melhores soluções, simples, barato e acessível. Ela são vendidas em feiras e lojas de departamento. Essa opção guarda todo os sapatos, menos as botinhas. Se você quiser para deixar o sapatos ainda mais protegidos use sacos de TNT, que são vendidos em papelaria, protegem e por ser um tecido furadinho deixa o ar circular.

Armário com separadores para os sapatos: Esta é uma opção mais cara, porém bem organizado. Este armário pode ser feito sob medida, por marceneiros e lojas especializadas, ou ser compostas por nichos. Outro ponto positivo é que existe uma maneira interessante de aproveitar seus compartimentos é para o armazenamento de vários tipos de sapatos. Além de ser superpratico de limpar!

Prateleiras para sapatos: Sabe aquela estrutura de igual de loja? É esta opção, com várias estantes metálicas. Essa solução pode ser adaptada em qualquer lugar, dentro do armário, na porta do armário, na parede, mais alto ou baixo, total a gosto de você. Também uma opção fácil de limpar.

Caixas transparentes: Sabe aquelas caixas organizadoras que vendem em papelaria? São essas! Elas não ficam tão organizadas assim, mas por ser transparente você consegue saber qual sapato está naquela caixa. Além de poder colar um adesivo para facilitar a identificação de cada modelo e decoração também.

Então amantes dos sapatos essas dicas ajudaram? Divide a sua com a gente!

6 dicas para economizar água na faxina

Veja como melhorar a limpeza de casa

Pensar na quantidade de água gasta deixou de ser uma preocupação individual. Hoje é uma preocupação em comunidade, pois o consumo consciente faz parte do nosso dia a dia.

Em alguns lugares, as crises hídricas nos obrigam a repensar o consumo de água. Veja algumas dicas:

  1. Reutilizar: é a palavra de ordem! Reaproveite a água da chuva, da máquina de lavar e do banho para a limpeza de pisos. Mas não se esqueça de armazenar da maneira correta, deixando em recipientes tampados para contribuir no combate à do aedes aegypti, transmissor de várias doenças.
  2. Lavar Roupa: Mesmo reutilizando a água da máquina, você pode esperar juntar mais roupas para aproveitar melhor essa leva. Você não ficará sem roupa, é só se organizar.
  3. Lavar louça: Retire todos os restos de alimentos dos pratos e mergulhe-os em água com detergente. Aguarde alguns minutos até que a gordura dos itens se dissolva. Pode deixar uns 10 minutinhos, depois disso, ensaboe a louça normalmente com a torneira fechada, depois só passe a água pelo itens para lavar.
  4. Limpar Vidros: Vidros, espelhos e até objetos em acrílico muitas vezes não precisam de água. Com o Pano Microfibra Vidro, sua textura em formato de favo de mel remove de forma eficiente as sujeiras e manchas difíceis. Caso você ache necessário, duas gotinhas de detergente neutro já bastam.
  5. Use borrifador: Ele permite que você espirre a mínima quantidade de líquido necessária, evitando desperdício e fazendo a água render muito mais. Dilua um pouco de produto de limpeza no frasco e use para limpar superfícies de bancadas, móveis, azulejos e até pisos.
  6. Use vassoura e rodo: Em vez de usar mangueira para lavar a calçada, crie o hábito de varrer apenas com a vassoura. Antes de jogar baldes e baldes de água na cozinha, passe a vassoura e use um rodo com produto de limpeza. Isso é até mais eficiente que simplesmente jogar água.

Sabe mais alguma maneira de economizar? Divide com a gente! J

Fonte: Uol/ Veja/ Vix

7 dicas para evitar alergia

Às vezes poucas mudanças trazem grandes resultados

As alergias estão presentes na vida de muitos e diversos fatores podem desencadeá-las: alterações climáticas, estresse, contato direto com ácaros, fungos, poeira e mofo, e esses últimos estão presentes em toda a casa.

Para evitar crises de tosse, espirros, coceira e dificuldades de respirar, determinadas mudanças nos hábitos de limpeza, na arrumação e faxina são fundamentais para um ambiente mais saudável.

Veja algumas dicas:

  1. Prefira o aspirador de pó e panos úmidos na hora de limpar o pó;
  2. Troque produtos químicos de odor intenso por detergentes biodegradáveis ou álcool;
  3. Elimine os amaciantes de roupa e sabão em pó comum, substitua-os pelo sabão de coco líquido, em pó ou em barra;
  4. Não se esqueça de usar luvas quando tiver contato com produtos de limpeza, conheça nosso portfólio aqui;
  5. Deixe os cômodos bem arejados para circular o ar;
  6. Substitua as cortinas de pano por persianas, juntam menos pó;
  7. Se puder, opte por purificador de ar. É uma forma extremamente eficaz para remover pólen, pelos de animais, poeira e outros inimigos dos alérgicos.

Você toma essas atitudes? Tem alguma dica diferente? Conta pra gente!

Fonte: Limpeza com Zelo/ Veja/ Terra

Teste: Qual o seu tipo de música para faxinar?

Música é tudo de bom! Para muitas pessoas é essencial na hora da limpeza!

Com um teste rápido, vamos mostrar qual a trilha sonora ideal para colocar a limpeza da casa em dia!

1) Por onde você começa a limpeza?

A – Pelo banheiro.

B – Pela cozinha.

C – Pela área externa.

 

2) O que não pode faltar na sua faxina?

A – Produtos químicos potentes.

B – Pano de todos os tipos.

C – Produtos de limpeza naturais.

 

3) No dia de fazer faxina pesada você está?

A – Extremamente animada para começar logo.

B – Com uma leve preguiça por ter tanto trabalho.

C – Plena, como sempre.

 

4) Você aceita ajuda na faxina?

A – Não, já tenho minha rotina e gosto de fazer tudo da minha maneira.

B – Sim, difícil é ter alguém que ajude!

C – Claro, uma ajudinha é sempre bem-vinda.

 

5) No final do dia de faxina, como você está?

A – Normal, adoro minha rotina de limpeza da casa;

B – Exausta, quero só um banho e descansar.

C –  Cansada, mas feliz de ter terminado tudo.

 

Maioria A – A elétrica

Você pede por uma música agitada igual a você, porque acompanhar seu ritmo não é para qualquer um. Músicas eletrônicas, um pop internacional e até um funk, o importante é a batida ser para cima igual você.
Maioria B – A cansada

Você deve ter muitas atividades para dar conta e zero contribuição das pessoas ao seu redor, então pode ir de rock nacional e gringo que irá se sair bem.
Maioria C – A calma

Para você não tem tempo ruim, a faxina pode até te trazer mais calma do que você já tem normalmente. Deixar o rádio rolando MPB é uma boa opção. Até um sambinha seria perfeito para te acompanhar.

Dedetização não é tudo igual, sabia?

Descubra o melhor processo para o seu caso

Se tem uma coisa que incomoda são bichinhos que se proliferam pela casa, não é mesmo? Ratos, formigas, cupins, baratas… eles não são visitas muito desejáveis. Esses animais causam grande incômodo quando há uma proliferação, além de alguns deles serem transmissores de doenças como, por exemplo, o aedes aegypti.

Para acabar com esse problema, existem alguns tipos de dedetização feitos por empresas especializadas. Assim você terá a garantia que o serviço será feito de forma segura tanto para as pessoas quanto para os pets da casa.

E você sabia que existem algumas classificações para esse serviço? Muita gente acha que dedetização, desratização e descupinização são a mesma coisa. Mas a realidade é que para cada tipo de situação, seja um problema com rato, cupins ou outros insetos, o serviço muda, alterando assim os termos também. A dedetização serve para terminar o seu problema com insetos em geral. A desratização, para os ratos. E a descupinização, para cupins. Também há serviços para controle de morcegos e pombos, porém, vale lembrar que é proibido matar esses animais por lei.

Antes de decidir a empresa, cheque se ela possui um profissional técnico legalmente habilitado, qualificado e presente nas rotinas de trabalho para atender as necessidades que procura. Verifique também se a empresa possui as certificações necessárias, inclusive se está dentro das exigências da Anvisa e é associada à APRAG (Associação dos Controladores de Pragas Urbanas). Além, claro, de buscar referências de outros clientes que utilizaram os serviços, evitando assim transtornos e dores de cabeça.

Fonte: Polinseto/ Insetan/ Império Dedetizadora

5 dicas para limpar lugares difíceis

Saiba como facilitar a sua faxina

Quem nunca sofreu para limpar aqueles cantinhos tão difíceis que atire o primeiro pano! Para manter esses lugares limpos sem muito esforço, separamos algumas dicas:
  1. Limpeza de persianas: Para retirar o pó que se acumula nas persianas, você vai precisar de Panos Resist Colors da Spontex, faixas elásticas e um pegador de macarrão. É só umedecer os tecidos em uma solução com água e detergente neutro, enrolá-los no pegador de macarrão e passar nas lâminas da persiana com cuidado;
  2. Aspirando trilhos de janelas: Um ótimo jeito de limpar essa parte da janela é usar um tubo de papel higiênico no final do tubo de sucção do aspirador de pó. É possível moldá-lo para caber quase em qualquer cantinho;
  3. Limpeza do teclado do computador: Basta dobrar uma peça adesiva de papel ao meio para que o lado adesivo fique para fora. Em seguida, é só deslizá-lo entre as teclas para recolher toda a poeira e migalhas;
  4. Abajur de tecido livre de poeira: Com um rolo adesivo que você costuma usar para a remoção de pelos de animais das roupas, dá para manter a cúpula do abajur nos trinques;
  5. Limpeza no box: Sabe aqueles cantinhos do box que acumulam água e ficam com algumas manchas? É só despejar uma mistura de suco de limão e bicarbonato de sódio, deixar descansar por 5 minutos e, em seguida, esfregar com uma escova.

Fonte: Catraca Livre

 

 

Como limpar vidros

Deixe os vidros e os objetos da sua casa brilhando

Por serem transparentes, os objetos de vidro precisam estar sempre brilhando. Um pouquinho de poeira pode transformar toda aquela elegância em sinal de desleixo.

Na hora de limpar, por ser um material delicado, é comum ficar com medo de arranhá-lo, quebrá-lo ou estragá-lo. Por isso é preciso mesmo uma atenção a mais no momento da faxina.

Veja algumas dicas:

– Evite a limpeza em horários em que o sol esteja forte, pois faz com que alguns produtos se sequem de maneira forçada, causando manchas e desgaste;

– Escolher o material adequado é essencial! A Spontex tem um pano específico para essa função. O Pano Microfibra Vidro é macio e tem uma textura em forma de favo de mel que captura o pó perfeitamente;

– Com o Pano Microfibra Vidro não é necessário usar produto adicional, mas se você é daquelas que só fica satisfeita com o cheirinho de limpeza, esta receita é ótima: 5 litros de água, 1 colher de sopa de álcool e 1 colher de sopa de vinagre.

– Se os vidros estiverem muito sujos e engordurados, opte também pela Esponja Suave com poucas gotinhas de detergente neutro para deixar a superfície lisinha.

Lembre-se: na hora de esfregar, siga numa direção e depois inverta o sentido.

Fonte: Vix/ Meu Porto Seguro

Arrumando a casa de praia

Deixe a casa de praia pronta para as férias de verão

Quem já está pensando nos dias de calor, praia e sol? Se você tem esse refúgio para dias de sossego na praia, já deve estar se organizando para deixar tudo pronto para receber a turma nessas férias.

Para dar menos trabalho e para que você possa aproveitar uns dias de folga perto da natureza e de quem você gosta, separamos algumas dicas para deixar a sua casa de praia devidamente arrumada:

– Se a casa estiver fechada: Tente chegar uns 2 ou 3 dias antes dos demais convidados para fazer uma limpeza, lavar as roupas de cama e organizar as compras do supermercado.

– Se já for uma casa de uso constante: Provavelmente já estará organizada e limpa para a chegada das visitas. Então, será necessário somente organizar as compras do supermercado, os alimentos, produtos de limpeza, de higiene pessoal e um kit de primeiros socorros.

– Cheguei: Independente da periodicidade do uso da casa, abra os armários e janelas para que entre ar e luz solar, a fim de eliminar o mau cheiro provocado pelo mofo.

– Funcionamento dos eletrodomésticos: Para não ficar devendo na hora da sobremesa do almoço de domingo, verifique o liquidificador e a batedeira, além é claro o fogão e a geladeira.

– Cama e colchão: Passe o aspirador de pó para retirar a poeira que ficou acumulada na superfície do colchão e depois arrume as roupas na cama.

– Verifique as paredes e armários, principalmente se houver indícios de mofo. Limpe-os passando um Pano Resist Colors da Spontex umedecido em uma solução de água com vinagre branco, para evitar a proliferação dos fungos.

– Revise os utensílios para a praia: Veja as boias estão furadas, se as pranchas das crianças podem ser usadas, se as cadeiras e o guarda sol estão enferrujados. Uma dica para evitar danos causados pelo sol, areia e maresia, é limpar com água doce e secar no sol mesmo.

– Piscina: Para quem tem piscina em casa, verifique com a pessoa responsável por cuidar se está tudo certo ou se é necessário algum produto especial.

Depois disso tudo, é só aproveitar a farra com a família e os amigos. Bom descanso!

Fonte: Bbel/ Organize sem Frescura

8 truques para deixar a sua casa perfumada

Como deixar os cantos da casa, o tapete e até as gavetas cheirosas? Veja nossas dicas!

Quem não gosta de chegar em casa e sentir um cheirinho bom de limpeza?

Nós separamos algumas dicas para te ajudar a deixar o seu lar sempre cheiroso:

– Carvão vegetal: é muito eficaz para neutralizar odores fortes, principalmente em ambientes muito úmidos. Serve, por exemplo, para gaveta de meias. Renove de vez em quando, já que seu efeito é temporário;

– Misture água com amaciante de roupa: Se a sua casa está cheirando mal depois de fritar alguma coisa, um bom truque é esquentar água em fogo médio com um pouco de amaciante de roupa. O cheiro de fritura vai embora rapidamente e o bom aroma do amaciante fica no lugar;

– Não se esqueça das plantas: Gardênias, gerânios e orquídeas são ótimas alternativas para aromatizar ambientes de forma natural;

– Ventile a casa todas as manhãs: A ventilação da casa é muito importante! 10 minutos são suficientes para renovar o ar e eliminar qualquer cheiro ruim.

– Use um purificador de ar: Claro que esta opção não é muito barata, mas ajuda a eliminar cheiro ruim e agentes contaminadores. Uma opção mais barata é fazer você mesmo de forma caseira, por exemplo, coloque um pedaço de algodão embebido em essência de baunilha.

– Use com o aspirador de pó: Mergulhe uma bola de algodão em um perfume e insira-a no saco do aspirador de pó. Enquanto você aspira, o cheiro será liberado no ambiente aos poucos.

– Misture com vodca: Você pode criar seu próprio spray de ambiente misturando uma xícara de água com duas colheres de sopa de vodca e 25 gotas de óleo essencial.

– Polvilhe bicarbonato de sódio no carpete ou tapete: Polvilhe uma caixa de bicarbonato de sódio no carpete ou tapete e deixe agir por 30 minutos. Em seguida, passe o aspirador de pó.

Fontes: Casa (Revista Abril)/ Portal Incrível/ Como fazer em casa