Qual criança você foi na infância?

Quietinha? Muito levada? Nerd? Com uma imaginação muito fértil? O sucesso da turma?

Relembre como foram os anos da sua infância! E não esquece de contar pra gente qual o resultado!

1 – Você gostava de brincar com seus amigos ou sozinho?

A – Brincar com poucos amigos.

B – Brincar com todos os meus amigos.

C – Brincar sozinha era mais legal.

 

2 – Você tinha muitos brinquedos?

A – Poucos, não muitos.

B – Sim, adorava brinquedos.

C – Preferia tecnologia e TV.

 

3 – Como sua família conta a sua infância?

A – Bem feliz e calma.

B – Fazia a maior bagunça na casa.

C – Tinha vergonha até da minha sombra.

 

4 – Você preferia que tipo de brincadeira?

A – Brincadeiras de lógica e raciocínio.

B – Preferia as agitadas e as de correr

C – Bonecas e carrinhos.

 

5 – Você gostava de ser criança?

A – Sim, sempre amei minha infância.

B – Foi a melhor época da minha vida!

C – Prefiro o futuro do que o passado.

 

Maioria A – Só gosto da minha galera

Você foi aquela criança de poucos, mas bons amigos. Tanto que você conta com eles até hoje. Aproveitou bastante, mas nunca deu dor de cabeça ao seus pais.

Maioria B – O rei da turma!

Você mandava em todo mundo, inventava todas as brincadeiras e vira e mexe estava de castigo porque sempre aprontava além da conta. Deve ter sido uma criança ativa, que gostava de brincar ao ar livre. Com certeza viveu a melhor época da vida da melhor forma!

Maioria C – Um pouco introspectivo

Bem tímida, você tinha dificuldade de fazer amizades, então muitas vezes preferia brincar sozinha ou com seus eletrônicos e livros. Por isso conseguiu desenvolver uma imaginação fértil. E deve ter passado a infância toda sem quebrar um ossinho!

Alimentos que crianças devem evitar

Seja por falta de nutrientes ou por dificuldade para comer, saiba quais alimentos devem ser evitados por crianças

Logo que a criança deixa a fase da papinha e passa para os alimentos sólidos, os pais precisam ter cuidados redobrados com o que será oferecido nas refeições dos filhos.

Refeições nutritivas e, ao mesmo tempo, saborosas, não podem faltar na dieta da criança, já que o desenvolvimento dela depende muito do que ela come. Além de pensar na questão nutricional que é de extrema importância, já que é necessária para um desenvolvimento saudável.

Veja alguns alimentos que devem ser evitados na dieta de seu filho

  • Salgadinhos industrializados: Mais uma vez o sódio é o vilão de mais essa guloseima. Além disso, ele é rico em gorduras, o que não é recomendado para a dieta das crianças.
  • Bolachas com recheio: Toda criança adora! Mas essas bolachas são ricas em gorduras, açúcares e sódio. Os valores de vitaminas e minerais não possuem grande relevância em sua composição.
  • Macarrão instantâneo: O alimento contém muito sódio, que pode causar alterações no metabolismo infantil. Além disso, uma massa fresca é muito melhor, não é?!
  • Sucos industrializados: E isso vale para os sucos em pó ou de caixinha. Eles possuem valores nutricionais quase nulos. Dê preferência – sempre- ao suco natural.
  • Salsicha: É um embutido cheio de conservantes. A salsicha é também uma grande causadora de engasgos e sufocamento, seja servida inteira ou em rodelas.
  • Maionese: Fonte de gordura, a maionese praticamente não possui valor nutricional. Por isso, ela deve ser consumida com moderação.
  • Peixes com espinhas: Por mais cuidado que os pais tenham ao tirar as espinhas antes de colocar o peixe no prato da criança, alguma parte pode sobrar e levar ao engasgo e até ao sufocamento infantil.
  • Pipoca: O problema é a casca durinha que costuma ficar presa nos dentes dos adultos. Em crianças, pode causar engasgos sérios.
  • Refrigerantes: Além de não terem valor nutricional nenhum, trazem sódio, gorduras e açúcares em excesso em sua composição. Podem causar obesidade e cáries dentárias.